Tiago Ralha

No estudo e recolha de informação que durante anos realizei, sobre imigração e discriminação racial, para o observatório europeu do racismo e da xenofobia (actual agência de direitos fundamentais da UE), tive a sorte de conhecer Mamadou Ba e poder usufruir do seu conhecimento e opinião arguta e informada sobre a situação em Portugal sobre essas temáticas, sem preconceitos, sem mágoas e sem medo.

Ao país em que nasci e em que vivo, faz falta alguém como Mamadou Ba, que cá não tendo nascido, aqui vive e participa na construção de uma sociedade mais esclarecida, justa e tolerante. A quem não sentiríamos a falta e regozijaríamos se desaparecessem seriam os signatários de tão miserável petição.

Tiago Ralha
licenciado em Sociologia