José Teófilo Duarte

Há quem viva sem dar por nada
Há quem morra sem tal saber

— José Afonso

Tanto tempo depois de recuperarmos a liberdade, vermos gente que quer anular o direito a discordar, mete muita impressão. Onde terá andado esta gente?
De que buracos terão saído agora?
Terão opinião sobre a guerra? 
Saberão o que é a justiça?
E a injustiça, será que os preocupa?
Terão dado pela liberdade?
Poderiam morrer sem a conhecer?

Gente estranha, esta gente.

Mamadou Ba fica porque queremos ficar cá todos.
Uns com os outros, para combater os novos fascistas.
E fazermos por ser felizes, agora e sempre.

José Teófilo Duarte
designer, director de arte